Anúncio

Emicida compartilha mensagem em forma de nostalgia

Emicida compartilha mensagem em forma de nostalgia
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Emicida compartilha foto nostálgica, agradece todos que passaram pela sua carreira e faz analogia usando o número 11 como referencia.

Recordar é viver! Ainda mais se você tem orgulho de tudo que vivenciou. No caso de uma jornada de vida, na qual inúmeras pessoas te ajudaram e tiveram ao seu lado em diversos momentos, essas recordações sempre vêm em forma de agradecimento. Mas, no caso de Emicida, além de homenagear o rapper fez uma analogia ao número 11 com diversas referencias.

O rapper explica em diversos significados a posição do número 11 em nossa vida. Trazendo referencias como a do pai da teologia cristã, Santo Agostinho, que traz esse algorismo como “número dos excessos humanos, da transgressão a ordem divida”, a representação de “ir além” (fazendo referencia ao número 10, que seria o da perfeição), também descreve como o número da colaboração, da clarevidência, do despertar espiritual, entre outros.

Ele utiliza desses artifícios para simbolizar a projeção dos seus 11 anos de carreira. Emicida, enaltece suas vitórias, explica o quanto foi difícil chegar até seu sucesso e agradece todas as pessoas que tiveram envolvimento em todas suas fases desse percusso.

“São 11 anos, derrubando barreiras, abrindo caminhos, construindo pontes, realizando sonhos e em um ambiente de extrema descrença, fazendo o possível ser a tônica.”, ele escreve. “Obrigado minhas irmãs e irmãos na @lab_fantasma não existe alguém melhor pra estar nessa aventura do que vocês! Meu abraço aqui a todos que passaram pela nossa Lab, como fãs, funcionários, parceiros, contratantes, aliados, incentivadores ou somente amantes do hip hop.”, o rapper conclui.

Ver essa foto no Instagram

O número 11, segundo o pai da teologia cristã, santo Agostinho, é o número dos excessos humanos, da transgressão a ordem divina. Enquanto o 10 representa a perfeição, o 11 também representa o ir além. É um a mais do que o perfeito. Ai me recordo dos nego véio falando sobre o mundo, sobre como tinhamos que fazer 10 vezes melhor pra ser visto como igual. Fizemos, nos provamos capazes, mas hoje não é sobre isso. Ele também é tido como o Brasão do pecado, uma vez que os mandamentos de deus são 10, 11 é ir além dos mandamentos de Deus. Ai me lembro que o primeiro argumento pra legitimar o sequestro do corpo de milhares de africanos foi justamente a religião e a ordem de Deus. Mas o ponto aqui é outro. O 11 é também, em seus muitos significados, o número da colaboração, da clarividência e do despertar espiritual. Acho que é sobre isso. São 11 anos, derrubando barreiras, abrindo caminhos, construindo pontes, realizando sonhos e em um ambiente de extrema descrença, fazendo o possível ser a tônica. Mais que nunca, fé. Como sempre, nóiz. Obrigado minhas irmãs e irmãos na @lab_fantasma não existe alguém melhor pra estar nessa aventura do que vocês! Meu abraço aqui a todos que passaram pela nossa Lab, como fãs, funcionários, parceiros, contratantes, aliados, incentivadores ou somente amantes do hip hop. Que o número 11, seja o portal que nos inspire a ir além! Hoje e sempre. A rua é nóiz Fiquem em casa e cuidem-se

Uma publicação compartilhada por Emicida (@emicida) em

Anúncio