Anúncio

Machine Gun Kelly diz “Foda-se Privilégios Brancos” após os protestos de George Floyd

Machine Gun Kelly diz "Foda-se Privilégios Brancos" após os protestos de George Floyd
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Machine Gun Kelly compartilhou sua opinião sobre o caso George Floyd e como ele se sente sobre a brutalidade policial.

À medida que os protestos continuam, as pessoas continuam a refletir sobre o tema quente da brutalidade policial. Cidadãos descontentes tomaram as ruas de suas cidades em protesto, incluindo Minneapolis, onde George Floyd, 46 anos,  foi recentemente assassinado por quatro policiais. O incidente filmado circulou fortemente pelas plataformas de mídia social, e vimos tumultos e saques. Como alguns exercitaram seu direito de protestar, outros usaram a oportunidade como desculpa para reagir com força, fazendo com que a conversa mudasse de atos de violência pelas autoridades para residentes que danificassem a propriedade. O rapper Machine Gun Kelly acrescentou seus pensamentos à conversa fazendo um tweet sobre a desmontagem do sistema.

Ver essa foto no Instagram

how is she mine wtf wtf 😭🥰 #fathersday

Uma publicação compartilhada por Colson 🙇🏼‍♂️🔪 the Blonde Don (@machinegunkelly) em

“Foda-se os verme”, começou a metralhadora Kelly . “Foda-se o privilégio branco. Tenho vergonha de alguém que se parece comigo tratar outro ser humano assim, mas eles fazem isso desde o início dos tempos. Nossa geração tem que parar com isso, minha lealdade é com as pessoas que fodem e combatem o sistema. O rapper compartilha uma foto junto sua filha de um relacionamento antigo, uma mulher negra chamada Emma Cannon, e ele sempre se manteve um aliado no que diz respeito a injustiças contra povos marginalizados. Confira seu tweet abaixo.

Anúncio